Painel FC – Folha de S.Paulo – 28/06


lulanomorumbi

Siga o mestre

Cartolas viram uma alfinetada de Lula em José Serra na visita do presidente ao Morumbi, na terça-feira. Ao manifestar publicamente, mesmo que sem palavras, seu apoio ao estádio são-paulino como sede para a Copa do Mundo de 2014, o presidente praticamente obriga o governador paulista a seguir os seus passos -pelo menos institucionalmente. Porém há uma corrente dentro do governo paulista que defende a construção de uma nova arena, em Pirituba (zona norte da capital), com a utilização de dinheiro privado.
Top secret. Desde a visita de Lula ao Morumbi, o são- -paulino Juvenal Juvêncio é só sorrisos. A razão, diz ele a interlocutores, não foi só a presença, mas, sim, uma conversa reservada com o presidente da República, que não durou cinco minutos.

Retórica. Segundo o relato, Lula disse a Juvenal, na sala da presidência do clube, que a abertura da Copa será no Morumbi. E acrescentou: “”Mesmo que tenha de pôr dinheiro”. Mas Lula não detalhou a forma como isso seria feito.

Empenho. À saída da reunião, a dupla deu de cara com Gilberto Kassab. O presidente aproveitou para questionar o prefeito paulistano: “”Por que não ajuda o São Paulo?”. Kassab, então, afirmou estar disposto a doar um terreno para a construção da garagem.

————————

Bom, isso foi publicado na Folha de domingo. Apesar de ser uma importante coluna do jornal paulistano, as informações nem sempre são confiáveis.

O primeiro ponto a ressaltar é a disputinha política que estaria acontecendo. José Serra, que não gostaria de ver o Morumbi, contra o Lula que aparentemente quer. O que me chamou a atenção é que voltam a falar do uso do terreno de Pirituba para a nova arena. Durante a semana que passou, chegou a ser noticiado que essa área, que isso não deve acontecer nesse local.

Outra questão curiosa são as notas sobre conversas com portas fechadas. Nunca saberemos a verdade. Mas é estranha a informação que o Lula sinalizou com o uso de dinheiro público no Morumbi. Mas, como a coluna mesmo diz, não foi dada nenhuma explicação. Um empréstimo do BNDES é uma solução. É recurso público, mas é empréstimo. Mas, todos sabem que os clubes de futebol não são bons pagadores…

Tem mais coisa mal contada no texto. Quando o prefeito Kassab teria dito que doaria a área para o estacionamento. Na verdade, pelo que me consta, ele faria uma concessão, por X anos, para uma empresa que ficaria com os direitos de exploração do local. Depois disso, a área voltaria a ser da prefeitura.

Para o São Paulo, o mais importante é ter garantido o apoio institucional do governo federal. Isso dará tranqüilidade e facilitará na busca por parceiros para o estádio.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: