Audiência Pública discute construção da arena da Copa (Manaus)

Vivaldão, de Manaus

Vivaldão, de Manaus

Muita gente considera arrogância do São Paulo Futebol Clube quando diz que o Morumbi está 80% pronto para a Copa do Mundo. Muita gente acha que o Tricolor está gastando pouco no projeto, que seus R$ 300 milhões para um estádio considerado “modesto” é pouco perto do volume de outros estádios.
É claro que a parte estrutural do estádio é a mais complicada. Isso o Morumbi, Mineirão, Maracanã e Beira-Rio já estão bem prontos. Faltam os ajustes de entorno, modernizações internas, externas, cobertura, etc. Alguns vamos gastar mais, outros menos.

A grande revolta de quem defende o projeto do Morumbi é com as críticas. Como pode o estádio não ter condições para a Copa do Mundo se tem estádios que nem projeto pronto tem, não tem orçamento, cronograma nada? E tem estádio que nem sabem se vão derrubar ou não.

Agora, segue uma matéria publicada no Portal da Amazônia, que fala sobre as discussões entorno do estádio Vivaldão.

—–

Audiência Pública discute construção da arena da Copa

MANAUS – Representantes de secretarias estaduais e municipais discutiram os preparativos para a Copa 2014, onde Manaus será uma das subsedes, durante audiência pública, realizada hoje (27), ás16h. Uma das pautas do debate foi a construção da Arena multiuso que vai substituir o atual estádio Vivaldo Lima. O governo estima investir R$ 580 milhões nos próximos anos. 

O debate sobre a demolição do estádio Vivaldo Lima causou polêmica entre os presentes. De acordo com o secretário estadual de Planejamento, Denis Minerv, os serviços de sistema de transporte público, rede de saúde e ensino não serão prejudicados com o investimento.

A conclusão das obras do complexo desportivo está prevista até meado de 2013. O objetivo é receber os jogos da Copa das Confederações.

Projeto

O projeto da arena multiuso contará com a construção de prédios com sistemas de economia de água, ventilação e refrigeração natural, utilização de águas de chuva, uso da luz do dia. 

A meta é também construir um complexo desportivo com equipamento urbanos de grande utilidade para a população mesmo depois dos jogos como passarelas, trilhas para caminhada, pista desportivas para corrida e ciclismo. (VB)

Uma resposta

  1. Bem legal seu blog. Vou acompanhar as notícias de quantas anda as sedes escolhidas e os “entreveros” a serem superados. Abs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: