Entrevista Orlando Silva – O Estado de S. Paulo – 6/8

oesp

Nesta quinta-feira, o site do O Estado de S. Paulo estava com problemas e não foi possível ler as notícias on-line na página. Mas, ao acessar o site da SP Turismo, consegui pegar o clipping das reportagens publicadas neste dia 6 de agosto.

A que vou postar agora é uma entrevista realizada com o ministro dos Esportes, Orlando Silva. Apesar de repetir o que ele já havia dito anteriormente, serve de recado para muita cidade que insiste com projeto megalomaníaco.

Um exemplo claro são os projetos para mais de 45 mil pessoas, que é o mínimo exigido pela Fifa. Com exceção dos estádios já existentes com capacidade superior ao mínimo, para que fazer outros? O mínimo de 60 mil é exigido para a abertura e a final. O resto, não precisa ser tão grande. Claro que o Mineirão, por exemplo, por já existir pode pensar em ter mais. De resto, não tem por que.

O ministro fala também sobre os gastos públicos com estádio. Ele ressalta que a posição do governo federal é a mesma, que não irá colocar dinheiro de seus cofres. Mas, argumenta que não tem como impedir que cidades e estados façam o mesmo.

Outra grande preocupação dele é com a cobertura dos estádios. A Fifa exige que exista somente para a abertura e fechamento da Copa. Por ser muito caro, ele entende que os estádios de menor porte deveriam rever esse ponto de seus projetos.

Confira a entrevista em um arquivo PDF, que peguei do site da SP Turismo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: