Projeto do Mineirão será modificado – Portal da Copa – 13/8

Projeto do Mineirão

Projeto do Mineirão

Logo que os projetos de todos os estádios das cidades que eram candidatas a sedes da Copa do Mundo de 2014 foram apresentados, parecia que o de São Paulo era muito fraco, que todas as outras cidades estavam apostando alto e que a capital mais importante do país não poderia ter um projeto tão modesto.

Sempre argumentei que duvidada que os estádios seriam iguais aos dos projetos apresentados. Aos poucos isso foi se confirmando. Primeiro foi o Verdão, de Cuiabá, que mudou totalmente o que havia sido proposto. Depois veio o Atlético-PR falando que não tem como fazer as obras dentro das exigências da Fifa. Em Natal já não se sabe se o estádio será mesmo coberto ou não. Na Bahia, a Fonte Nova teve sua capacidade reduzida. Em Recife, a discussão sobre a viabilidade do novo estádio ainda é debatida, com muita gente defendendo a reforma do Arruda.

Bom, agora é a vez do Minieirão ter mudanças. O Portal da Copa informa, nesta quinta-feira, que o projeto de Minas Gerais para a Copa do Mundo teve seu orçamento cortado pela metade. Como nunca foi esclarecido o quanto seria gasto no estádio, fica difícil saber qual será o valor real. Estimo que tenha caído para uns R$ 400 milhões.

Isso sem contar o Maracanã, que até hoje não se sabe se vão demolir os complexos esportivos de atletismo e natação ao lado.

Repare que estou falando de sete projetos que ainda estão incertos. Ainda tem o Vivaldão em Manaus e o Mané Garricha, em Brasília. Nesses se discute a necessidade de se gastar tanto dinheiro para onde não tem times na elite do futebol. Sei que existe preocupação com o prazo de obras em Fortaleza. Certamente também devem existir problemas para o Beira-Rio.

O que fica claro com isso é que os estádios vão ser readequados para a realidade do Brasil. Podemos ter o melhor futebol do mundo, podemos ser uma das nações que vão mais se desenvolver nos próximos anos… Mas as coisas não mudam da noite para o dia.

Confira a nota do Portal da Copa

Projeto do Mineirão será modificado

Elegante e conciso, o projeto do arquiteto Gustavo Penna para a reformulação do estádio Mineirão, em Belo Horizonte, está passando por alterações pesadas em função do corte na verba destinada pelo governo de Minas Gerais para as obras da Copa de 2014. A revelação foi feita pelo próprio arquiteto, ontem, em São Paulo, no teatro da Aliança Francesa, durante evento de lançamento de livro sobre sua obra.

“A verba foi cortada pela metade, e tivemos que eliminar toda uma série de equipamentos que o projeto previa, e que seriam muito úteis para o povo de Belo Horizonte depois da Copa. É uma pena, mas a crise econômica mundial afetou muito a indústria de mineração, que é um dos pilares da economia do estado”, explicou Penna.

(Marcos de Sousa)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: