Voltando aos trabalhos…

Não.. o blog não morreu. Eu também não morri.. e o São Paulo segue vivo na luta pelo título. É que nesse quase um mês que fiquei afastado do blog eu estava trabalhando de mais com outros projetos. E, como o blog é um projeto paralelo e que não rende frutos..ele acabou ficando um pouco de lado. Pelo menos, isso aconteceu em um momento que o foco do noticiário é outro.
Neste meu retorno, vou falar sobre uma informação que recebi nas últimas semanas. Quando ficou decidido que o Morumbi seria o estádio de São Paulo para a Copa do Mundo, o São Paulo FC recebeu a indicação de um escritório de arquitetura para fazer o projeto. Essa indicação era assinada por CBF, FPF, Ministério do Esporte..etc. Só que o Juvenal não quis. Acreditou que só o Ruy Othake seria capaz de tocar o projeto.

E daí surgem dois problemas. O primeiro deles é clara falta de experiência em praças esportivas do renomado arquiteto. Só que, quando você contraria uma indicação de gente grande, você está sujeito a críticas. E foi justamente isso que aconteceu. Problemas, diversas sedes têm, mas não foram tão publicas como teve o Morumbi.

Só para exemplificar. Acabo de ouvir no programa Redação Sportv a secretária de esportes do Rio de Janeiro falando um pouco sobre os problemas do Engenhão. Ela comentou que a Fifa deixou claro que não está proibido que um estádio fique aberto durante a reforma para 2014. O mais importante foi que ela disse com todas as letras que o projeto executivo do Maracanã não está pronto. Que existe só uma ideia conceitual, mas que o detalhamento de obras não está pronto.

Ou seja… Problemas o projeto do Morumbi teve sim. Mas, é mais do que claro que de fato existia outros motivos para críticas mais carregadas por outros motivos.

Bom, aos poucos vou retomando algumas discussões. Como o que foi debatido nos comentários em outros lugares sobre o rebaixamento do gramado do Morumbi.

Anúncios

Exigências da Fifa para Copa são exageradas, diz José Serra – Estadão – 8/10

Os dias estão sem muitas novidades sobre a reforma do Morumbi. Parece que tão sonhada trégua necessária para ser fazer um bom trabalho chegou. Claro que vamos esperar. Sempre pode surgir uma notícia de última hora. Pelo menos, o Valcke já prometeu que não fala mais sobre o Morumbi…

Saiu faz pouco tempo uma matéria no site do Estadão de um encontro do governador de São Paulo, José Serra, e o presidente da África do Sul, Jacob Zuma. Em declaração após a rápida reunião, Serra disse que ambos concordam que as exigências que a Fifa faz para os países organizadores de uma Copa são exageradas.

Neste caso, Serra fala de uma série de pontos, como o custeio da hospedagem de centenas de integrantes indicados pela Fifa. O governador também foi perguntado sobre o projeto do Morumbi. Ele respondeu que está confiante que o estádio receberá a abertura da Copa do Mundo.

Confira a matéria do Estadão.

Exigências da Fifa para Copa são exageradas, diz José Serra

Governador de São Paulo considera um exagero a obrigação de que o país-sede custeie a hospedagem

SÃO PAULO – O governador de São Paulo, José Serra, classificou, nesta quinta-feira, como “exageradas” as exigências da Fifa para os países escolhidos para sediar uma Copa do Mundo. O Mundial foi tema da conversa de meia hora entre Serra e o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista. O país africano vai receber a Copa em 2010. O Brasil será sede em 2014.

“Nós concordamos que a Fifa tem feito exigências exageradas, na África do Sul e no Brasil”, afirmou o governador, após o encontro. “A cada Copa aumentam os requerimentos.” Serra deu como exemplo de exagero a obrigação de que o país-sede custeie a hospedagem de “centenas de integrantes” indicados pela entidade. “É uma série de exigências desproporcionais.”

A Fifa já criticou publicamente o projeto de reforma do Estádio do Morumbi, apresentado pelo São Paulo para receber jogos da Copa do Mundo de 2014. E apesar das declarações de Joseph Blatter, presidente da entidade, e do secretário-geral Jerome Valcke, Serra acredita que o estádio do São Paulo será palco da abertura da Copa. “Estou confiante”, afirmou.

Serra presenteou o presidente sul-africano com uma camiseta azul do Palmeiras, time do governador, e uma bola de futebol ecológica azul e branca.

Pouco mais sobre Brasil-14 e Rio-16

Com a apresentação do novo projeto do Morumbi na semana passada a escolha do Rio como sede das Olimpíadas em 2016, as notícias sobre Copa do Mundo de 2014 e de nosso estádio ficaram um pouco em segundo plano. Agora, a imprensa brasileira vai ter mais um assunto para ficar em cima, questionando, reclamando… e isso ajuda a tirar um pouco o foco do Morumbi, o que é bom.

Uma das notícias que foi divulgada nesta terça-feira é de um evento que aconteceu na sede da FPF. Lá, o ministro dos Esportes, Orlando Silva, manifestou apoio público para que a abertura da Copa do Mundo seja realizada na cidade de São Paulo. Ele também falou dos benefícios que a cidade terá com as Olimpíadas no Rio em 2016.

No mesmo evento, o secretário de esportes da cidade de São Paulo, Walter Feldman, mais uma vez disse que o Morumbi será a sede paulista para a Copa de 2014. Ele disse também que São Paulo, Brasília, Salvador e Belo Horizonte serão subsedes do futebol nas Olimpíadas de 2016.

Nota Oficial: Tricolor parabeniza Rio de Janeiro e recebe futebol olímpico

Em nota oficial, São Paulo Futebol Clube saúda a escolha do Rio de Janeiro para a Olimpíada de 2016; Morumbi será a sede do futebol olímpico em São Paulo

O São Paulo Futebol Clube saúda com imensa alegria a escolha da Cidade do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de 2016.

Trata-se, sem dúvida, de uma vitória do Povo Brasileiro, que coroa de êxito os esforços feitos ao longo de anos pelo Governo Federal, pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e do Comitê Olímpico Brasileiro.

A escolha do Rio de Janeiro para sediar um evento da importância dos Jogos Olímpicos, sobrepujando metrópoles mundiais como Chicago, Tóquio e Madri, reafirma a vocação e o firme propósito do Brasil em se afirmar como potência mundial, elevando seus padrões de desenvolvimento e pujança ao nível das outras grandes nações do Planeta.

Essa conquista histórica também contou com a participação de uma série de outras cidades do Brasil, que se associaram aos esforços do Rio de Janeiro e colocaram suas sedes à disposição para receberem as partidas da modalidade futebol.

A Cidade de São Paulo, berço economico e receptivo do Brasil, fará parte desse grande acontecimento não só auxiliando na recepção de boa parte do fluxo turístico e operacional , mas, especialmente, sediando as competições do futebol feminino e masculino durante as Olimpíadas de 2016.

E, com enorme satisfação, o São Paulo Futebol Clube confirma que tais competições serão realizadas no Estádio do Morumbi, uma vez que, já em setembro de 2008, quando a Candidatura do Rio de Janeiro era apenas um pleito e um sonho de milhões de brasileiros, o São Paulo Futebol Clube assinou contrato com o Comitê da Candidatura da Cidade do Rio de Janeiro por meio do qual oficializou a cessão do Estádio do Morumbi como uma das sedes do futebol masculino e feminino durante os Jogos de 2016.

Exatamente no dia em que completa 49 anos da sua partida inaugural, o Estádio do Morumbi recebe o presente inesquecível da confirmação de que, já tendo realizado finais de campeonatos brasileiros, competições sul-americanas e eliminatórias de Copa do Mundo, é agora confirmado como uma das praças esportivas que receberá o evento histórico das Olimpíadas de 2016.

Parabéns ao Rio de Janeiro! Parabéns ao Brasil ! O Estádio do Morumbi receberá as Olimpíadas de 2016 de braços abertos e com enorme satisfação!

Presente olímpico no aniversário do Morumbi – Site Oficial – 2/10

Bom, como já tinha dito de manhã. O Morumbi deve ser sede do futebol em 2016.

No dia em que completa 49 anos, Estádio do Morumbi carimba participação na Olimpíada de 2016

No dia em que completa 49 anos, o Estádio do Morumbi recebe um presente internacional.

A escolha do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de 2016 é festejada não apenas pela Cidade Maravilhosa. Apesar de a maior parte do evento esportivo acontecer na cidade-sede, alguns esportes, tradicionalmente, são realizados em sub-sedes.

No caso do futebol masculino e feminino, o palco da disputa na cidade de São Paulo será o Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Morumbi, conforme acordo formalizado entre o São Paulo Futebol Clube, a Prefeitura do Município de São Paulo e o Comitê Olímpico Brasileiro.
Projeto

Recentemente foram apresentadas à imprensa novas imagens do projeto do novo Morumbi para a Copa do Mundo de 2014. Agora confirmado também para as Olimpíadas de 2016, o estádio segue sendo planejado conforme as mais altas exigências para receber ambos os eventos.

“Uma vez mais o Estádio do Morumbi mostra-se com o grande ícone de eventos na cidade de São Paulo, e é motivo de orgulho vê-lo fazer parte do projeto olímpico de 2016. O Brasil conseguiu reunir os dois maiores eventos mundiais, e o Morumbi será brilhante em ambos”, afirma Adalberto Baptista, diretor de marketing do São Paulo FC e membro do Comitê Executivo Morumbi 2014.

À frente do projeto arquitetônico estão o escritório alemão GMP (Gerkan Marg und Partner) – com ampla experiência em arenas esportivas de primeiro porte, utilizadas na Copa da Alemanha e, futuramente, na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul – e o arquiteto Ruy Ohtake.
Sub-sede em São Paulo

Em visita ao Morumbi, em 2008, a importância da cidade de São Paulo como sub-sede foi confirmada por Fabio Starling, gerente-geral de Relações Institucionais da Comissão Rio 2016.

“São Paulo será muito importante neste processo. Além de servir como entrada para quem vem de fora do país, a cidade terá destaque na questão das acomodações, devido ao acesso rápido entre as duas capitais”, afirmou.

Alexandre Techima, diretor de infra-estrutura tambem presente à visita, fez questão de parabenizar o projeto são-paulino e elogiou a administração do clube.

“Gostaria de parabenizá-los por todo o projeto do Morumbi, que é impressionante. O São Paulo é o melhor exemplo de administração esportiva do Brasil. Espero que de vez em quando a gente consiga fazer um intercambio de conhecimentos para ajudar nossa campanha”, disse, à época.

Morumbi 49 anos e Rio 2016.

Hoje é um dia especial. O Morumbi completa 49 anos de vida. Como não tive (nem terei) tempo de preparar um especial, sugiro que visitem o site do meu amigo Michael Serra, o http://www.spfcpedia.blogspot.com

Com essa história de Rio 2016, o Morumbi pode ser favorecido também. E hoje quase não temos notícias relacionadas a 2014.  Esse é um dos motivos por ser a favor do Rio. Mas, também fico preocupado com uma reedição do que aconteceu no Pan 2007.

ps. Fui obrigado a passar a moderar os comentários. Apesar de ser um espaço democrático, aqui a idéia é muito mais discutir o projeto e apoiar o Morumbi.

Uma imagem a mais

Imagem de um folder distribuido na quarta-feira

Imagem de um folder distribuido na quarta-feira

Download da imagem completa: http://www.4shared.com/file/136878508/bd16bac1/folder-central.html